post #14, golfinhos

December 17, 2007

E como naquela tirada em que uma pedra olha para uma regua e diz Hey, you rules, e a outra responde Hey, you rock. E eu escrevi essa primeira frase ha uma meia hora entao nao lembro mais o que ia dizer, mas manifesta-se-me o seguinte. Caia numa bobagem profunda quando me punha ja para dissertar sobre o comportamento e a psique brasileiros vistos sob um espectro exterior. Apercebi-me entretanto em que lhufas estaria pondo minhas bufas, assim que o post de hoje e sobre golfinhos.

O golfinho “fliper” e conhecido como golfinho vira-lata porque se adapta em qualquer ambiente. Ele pode enfrentar intemperies tremendas sob efeito das quais se expoe ao estresse e tantas coisas tao-somente pela comida que pode obter via disso. E tem outra. Apesar de nao haver golfinhos na rota tracada pelo Titatic – eu sei coisas como essa, me internem -, o que eles fazem ao pular adoidadinhos a frente do navio nao e tentar uma interacao amigavel; trata-se, antes, de uma demonstracao do mais puro cinismo. O que eles conseguem, adoidadinhos daquele jeito, e distrair a atencao dos homens que sabem para longe do mamario que esta acercado.

Os golfinhos sao bem domal tambem. Se nasce um tipo assim aleijado, eles escurracam com o coitadinho porque sabem que no futuro o dito sera apenas mais uma preocupacao. Vou deixar a cargo de voces dizer se essa e uma decisao razoavel ou nao. Os leoes, por sua parte, fazem algo como isso. Quando ha muitos filhotes na ninhada, o rei come alguns deles para evitar muita confusao no futuro – mas assim eles nunca terao um Leao Tolstoi. Sorry.

Falando em sorrir, ja estou quase rico. Assim, rico nao, mas estou aqui tem duas semanas, e ja temos um som maneiro, uns cds maneiros para escutar nele e ate uma torradeira maneira. Da pra viver, e eu tenho comido toda essa porcaria com gosto por tres razoes. Porque e gostoso, nego come amarradao. Porque ajuda a destruir o corpo mais rapido, com uns vazamentos assim, umas paradas corrosivas tipo baba de Alien, naquele filme. E, finalmente, porque ha dois outros bons motivos. Bytheway, ja mencionei que trabalho com a americana mais mais-que-demais que ja vi por aqui? Aponto isto em vias de registrar que num desses dias participarei a ela que tome continencia, porque seu senhor e vindo. Sou um tipo machao.

2 Responses to “post #14, golfinhos”

  1. Fabiane Says:

    (em que está trabalhando, moço? vais voltar numa versão gordinho?) ^^

    saudades

    :*

  2. Dael Says:

    (Por que alguem escreve uma mensagem entre parentesis?)

    Of course I won’t, Fabi. A fineza esta em meu carater.:)


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: